Browsing Tag

Inscrições

Fies

Fies 2019: Inscrições abertas

7 de fevereiro de 2019

Os estudantes interessados em financiar cursos de graduação, em universidades particulares poderão se inscrever até o dia 14 de fevereiro, para a primeira edição de 2019 do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) e do Programa de Financiamento Estudantil (P-Fies).

A inscrição poderá ser realizada no site //fiesselecaoaluno.mec.gov.br/usuario-login

Quem pode participar?

De acordo com edital, somente podem participar candidatos que fizeram alguma das edições do Enem a partir de 2010 e que obtiveram média de 450 pontos nas provas, sem zerar a redação.

No momento da inscrição no Fies, o candidato pode escolher até três opções de cursos, indicando ordem de preferência.

Cronograma

Conforme edital do Fies, 2019, a previsão é que a lista de aprovados seja liberada no dia 25 de fevereiro. Os pré-selecionados deverão complementar a inscrição de 26 de fevereiro a 7 de março. Segundo o Edital, somente haverá uma chamada regular.

O prazo de inscrição para lista de espera será de 27 de fevereiro a 10 de abril. Somente será disponibilizada lista para o Fies.

Vagas oferecidas

Conforme informações do MEC, o Fies se destina a financiar cursos superiores não gratuitos e oferece diferentes modalidades, de acordo com a renda familiar. Além das 100 mil vagas, para alunos cuja renda familiar bruta mensal por pessoa não ultrapasse três salários mínimos, o programa destina aproximadamente 450 mil vagas ao P-Fies para estudantes cuja renda familiar bruta mensal por pessoa não exceda cinco salários mínimos.

Veja as modalidades

Conforme edital, veja abaixo as modalidades:

Fies

– Estudantes devem comprovar renda per capita de até 3 salários mínimos, ou seja, R$ 2.994
– Financiamento não tem juros

P-Fies

– Candidatos com renda de até 5 salários mínimos, ou seja, R$ 4.990
– Condições de financiamento são estabelecidas de acordo com o agente financeiro

Prioridade de financiamentos

Ainda conforme edital, os financiamentos serão concedidos prioritariamente para esses candidatos, nessa ordem:

I – candidatos que não tenham concluído o ensino superior e não tenham sido beneficiados pelo financiamento estudantil;
II – candidatos que não tenham concluído o ensino superior, já tenham sido beneficiados pelo financiamento estudantil e o tenham quitado;
III – candidatos que já tenham concluído o ensino superior e não tenham sido beneficiados pelo financiamento estudantil; e
IV – candidatos que já tenham concluído o ensino superior e tenham sido beneficiados pelo financiamento estudantil e o tenham quitado.

Fonte MEC

Fies 2018-2

O Edital referente ao Fies 2018-2 está disponível

10 de julho de 2018

O Edital referente ao Fies 2018-2 foi publicado no Diário Oficial da União (DOU) desta terça-feira, dia 10 de julho; com informações relativas à seleção de estudantes para o financiamento Estudantil.

Acesse o Edital do Fies 2018-2

Veja critérios para desempate e como pesquisar a vaga no Fies

Inscrições

As inscrições estarão abertas no período de 16 a 22 de julho, pela internet, no site do Programa (//fiesselecao.mec.gov.br/)

Conforme edital, poderão se inscrever aqueles estudantes que participaram do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), em edições a partir de 2010; com média acima de 450 pontos, sem ter zerado a redação

Vagas oferecidas Fies 2018

A previsão é de que o Ministério da Educação (MEC) disponibilize aproximadamente 150 mil novas vagas, totalizando as 310 mil oportunidades previstas para 2018. Para o primeiro semestre, foram oferecidas 155 mil oportunidades de financiamento.

Além disso, os interessados devem comprovar renda, conforme a modalidade de inscrição:

Fies:

– Rendimentos de até três salários-mínimos per capita, com juros zero prestações no valor máximo de 10% da renda familiar;

P-Fies:

– Comprovação de renda de até cinco salários-mínimos e condições de financiamento definidas pelo agente financeiro;

Além das informações pessoais, o candidato deverá fornecer informações do grupo familiar.

Será necessário ainda que o estudante defina o grupo de preferência, que levará em consideração os seguintes itens: estado; município; nomenclatura do curso; conceito pelo Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior (Sinaes); e área e subárea do conhecimento.

Opções de cursos

No ato da inscrição, o estudante deve indicar até três opções de cursos, em ordem de prioridade; e pode alterar essas opções quantas vezes achar necessário até o fim do prazo de inscrições. Para fins de classificação, será considerada a última alteração feita.

Resultado Fies 2018-2

Ainda conforme edital, o resultado deverá ser publicado no dia 27 de julho, em chamada única; com prazo para comprovação das infirmações até o dia 31 do mesmo mês.

Lista de Espera Fis 2018-2

No caso dos estudantes inscritos no P-Fies não haverá Lista Espera; os demais poderão manifestar interesse entre os dias 1º e 24 de agosto.

Novo Fies

As principais alterações no Fies, com a criação uma nova categoria de financiamento, foram anunciadas no final de 2017.

Em junho deste ano, o MEC anunciou novas mudanças para o programa, na Modalidade Fies, que garante o financiamento a juro zero tais como:

– Financiamento mínimo de 50%;
– Aumento no valor máximo de financiamento para R$ 42 mil;
– Adequação do preço das mensalidades;
– Transferência de vagas.

Fies 2018-2

Fies 2018-2 iniciará inscrições em 16 de julho

3 de julho de 2018

A segunda edição do 2º semestre do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) abrirá inscrições no dia 16 de julho. Elas serão encerradas no dia 22 de julho; e poderão ser realizadas no site MEC (//fiesselecao.mec.gov.br/)

Vagas oferecidas Fies 2018-2

Aproximadamente 150 mil novas vagas deverão ser oferecidas; já que a expectativa é que 310 mil novos contratos sejam fechados ainda em 2018.

Novidades Fies

Entre as novidades referentes ao Fies do segundo semestre está o retorno do limite máximo do valor das mensalidades cobertas pelo fundo. Ele voltará a cursos com mensalidades de até R$ 7 mil, ou R$ 42 mil por semestr, aumentando as oportunidades para os estudantes.

Veja outras novidades referentes ao Fies

No primeiro semestre de 2018, o limite era de R$ 30 mil, o que permitia que apenas cursos com mensalidade de até R$ 5 mil pudessem participar do financiamento, o que gerou muitas dificuldades para os estudantes de Medicina.

O “teto da semestralidade”, cujo limite é de R$ 42 mil já existia no antigo modelo do Fies; mas foi reduzido no lançamento do Novo Fies; com o objetivo de garantir a  “sustentabilidade” do programa, conforme informações do MEC.

Os estudantes inadimplentes poderão renegociar suas dívidas, veja mais.

Fies 2018-2

Fies 2018-2 terá alterações e inscrições a partir de julho

6 de junho de 2018

O Ministério da Educação (MEC) concedeu coletiva de imprensa na tarde de hoje, 6 de junho, para anunciar mudanças nas regras do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies), a partir do segundo semestre de 2018.

Fies 2018-2 inscrições

Conforme informações divulgadas pelo MEC, as inscrições para o Fies 2018/2 deverão começar na segunda quinzena de julho; e já estará sob a vigência das novas regras.

Alterações Fies 1

De acordo com o MEC, as alterações do Fies estão na modalidade 1, que o Ministério da Educação chama de Fies Público (Fundo Garantidor), que conta com juros zero.

As alterações serão na taxa mínima para o financiamento, aumento do valor máximo do financiamento e na adequação dos preços das mensalidades.

Fies (Fies 1 / Fies juros zero / Fies Público)

– Fonte de recurso: Tesouro Nacional
– Juros zero com correção da inflação
– Prestações máxima de 10% da renda familiar
– Renda familiar mensal de até três salários mínimos por pessoa

Financiamento mínimo de 50%

A primeira mudança é o estabelecimento de financiamento mínimo de 50% para as vagas oferecidas no Fies com juros zero. Conforme informações do ministro da Educação, Rossieli Soares, antes era feito um balanceamento com a renda do candidato e, a partir daí, determinava-se o valor do financiamento.

O modelo antigo de financiamento abaixo dos 50% impedia que muitos participantes beneficiados continuassem seus cursos por conta do baixo valor financiado. Por esse motivo, o MEC fixou uma porcentagem mínima a ser atendida pelo Fies.

Aumento no valor máximo de financiamento

Outra alteração é o aumento no teto dos cursos financiados na modalidade Fies sem Juros (Fies Público). Anteriormente, o MEC havia fixado em R$ 30 mil semestrais o valor máximo para financiamento, o que impossibilitava que cursos mais caros fossem atendidos. Agora, a pasta aumentou para R$ 42 mil o teto do fundo de financiamento.

De acordo com o ministro Rossieli, ficará mais fácil que cursos como Medicina sejam financiados pelos participantes.

Adequação do preço das mensalidades

O MEC exige que o valor da mensalidade cobrada do aluno seja o mais baixo da instituição de ensino. O motivo da exigência do órgão é que algumas faculdades cobravam mais caro as parcelas de quem era atendido pelo Fies.

Transferência de vagas

O Fies 1 teve 100 mil vagas abertas para 2018, sendo 80 mil só no primeiro semestre. De acordo com o MEC, 30 mil oportunidades foram preenchidas e cerca de 16 mil estão em fase de assinatura de contrato.

Como cancelar o Fies?

As vagas que não forem preenchidas neste primeiro semestre de 2018 serão ofertadas na próxima edição do Fies. Por enquanto, o fundo está na fase de inscrição das vagas remanescentes.

Outras 75 mil vagas foram oferecidas no primeiro semestre pelo Programa de Financiamento Estudantil (P-Fies), modalidade com juros; que também ofertará vagas no segundo semestre.

Fies 2018

Fies 2018-1: Prazos de inscrições para vagas remanescentes

25 de maio de 2018

O Fies, Financiamento Estudantil, abrirá inscrições na próxima segunda-feira, 28 de maio, referentes às vagas remanescentes do primeiro semestre, conforme edital, publicado no dia 25 de maio de 2018 pelo Ministério da Educação.

Veja outras informações referentes às inscrições para o Fies vagas remanescentes

Inscrições

De acordo com edital, as inscrições para a ocupação das vagas remanescentes ocorrerão exclusivamente na modalidade do Fies e serão efetuadas exclusivamente pela internet; por meio do Sistema de Seleção do Fies – FiesSeleção no endereço eletrônico (//fiesselecao.mec.gov.br).

Veja os prazos de acordo com cada perfil de estudante:

De acordo com edital do Fies, os prazos serão conforme estipulados abaixo:

-De 28 de maio de 2018 até as 23 horas e 59 minutos do dia 31 de maio de 2018, para os CANDIDATOS ingressantes que não tenham concluído o ensino superior; e não tenham sido beneficiados pelo financiamento estudantil e que tenham se inscrito no processo seletivo regular do Fies referente ao primeiro semestre de 2018, tendo sido reprovados em todas opções de cursos indicadas no grupo de preferência em razão de suspensão de referidos cursos por não formação de turma no período inicial;

-De 29 de maio de 2018 até as 23 horas e 59 minutos do dia 31 de maio de 2018, para os CANDIDATOS ingressantes que não tenham concluído o ensino superior, mas já tenham sido beneficiados pelo financiamento estudantil e o tenham quitado e que tenham se inscrito no processo seletivo regular do Fies referente ao
primeiro semestre de 2018, tendo sido reprovados em todas opções de cursos indicadas no grupo de preferência em razão de suspensão de referidos cursos por não formação de turma no período inicial;

-De 30 de maio de 2018 até as 23 horas e 59 minutos do dia 31 de maio de 2018, para os CANDIDATOS ingressantes que já tenham concluído o ensino superior e não tenham sido beneficiados pelo financiamento estudantil e que tenham se inscrito no processo seletivo regular do Fies referente ao primeiro semestre de 2018, tendo sido reprovados em todas opções de cursos indicadas no grupo
de preferência em razão de suspensão de referidos cursos por não formação de turma no período inicial;

-De 31 de maio de 2018, para os CANDIDATOS ingressantes que já tenham concluído o ensino superior e tenham quitado financiamento estudantil anterior e que tenham se inscrito no processo seletivo regular do Fies referente ao primeiro semestre de 2018, tendo sido reprovados em todas as opções de cursos indicadas
no grupo de preferência em razão de suspensão de referidos cursos por não formação de turma no período inicial;

-De 1º de junho de 2018 até as 23 horas e 59 minutos do dia 4 de junho de 2018, para os CANDIDATOS que não tenham concluído o ensino superior e não tenham sido beneficiados pelo financiamento estudantil e que se inscrevam para vaga remanescente em curso de instituição de educação superior – IES em que não
estejam matriculados;

-De 2 de junho de 2018 até as 23 horas e 59 minutos do dia 4 de junho de 2018, para os CANDIDATOS que não tenham concluído o ensino superior, mas já tenham sido beneficiados pelo financiamento estudantil e o tenham quitado e que se inscrevam para vaga remanescente em curso de IES em que não estejam
matriculados;

-De 3 de junho de 2018 até as 23 horas e 59 minutos do dia 4 de junho de 2018, para os CANDIDATOS que já tenham concluído o ensino superior e não tenham sido beneficiados pelo financiamento estudantil e que se inscrevam para vaga remanescente em curso de IES em que não estejam matriculados;

-No dia 4 de junho de 2018, para os CANDIDATOS que já tenham concluído o ensino superior e tenham quitado financiamento estudantil anterior e que se inscrevam para vaga remanescente em curso de IES em que não estejam matriculados;

-De 1º de junho de 2018 até as 23 horas e 59 minutos do dia 26 de junho de 2018, para os CANDIDATOS que não tenham concluído o ensino superior e não tenham sido beneficiados pelo financiamento estudantil e que se inscrevam para vaga remanescente em curso de IES em que estejam matriculados;

-De 2 de junho de 2018 até as 23 horas e 59 minutos do dia 26 de junho de 2018, para os CANDIDATOS que não tenham concluído o ensino superior, mas já tenham sido beneficiados pelo financiamento estudantil e o tenham quitado e que se inscrevam para vaga remanescente em curso de IES em que estejam  matriculados;

-De 3 de junho de 2018 até as 23 horas e 59 minutos do dia 26 de junho de 2018, para os CANDIDATOS que já tenham concluído o ensino superior e não tenham sido beneficiados pelo financiamento estudantil e que se inscrevam para vaga remanescente em curso de IES em que estejam matriculados; e

-De 4 de junho de 2018 até as 23 horas e 59 minutos do dia 26 de junho de 2018, para os CANDIDATOS que já tenham concluído o ensino superior e tenham quitado financiamento estudantil anterior e que se inscrevam para vaga remanescente em curso de IES em que estejam matriculados.

Veja mais no edital do Fies 2018-1 vagas remanescentes.

Fies 2018

Fies abrirá seleção de vagas remanescentes referentes ao 1º semestre de 2018, no dia 28 de maio

25 de maio de 2018

O Fies, Financiamento Estudantil abrirá inscrições para as vagas remanescentes referentes ao primeiro semestre de 2018, a partir de 28 de maio, próxima segunda-feira.

Inscrições

As inscrições deverão ser feitas exclusivamente pela internet, por meio do Sistema de Seleção do Fies (//fiesselecao.mec.gov.br/0

Quem poderá fazer a inscrição?

Poderão se inscrever:

-Os estudantes que participaram do processo anterior e que não contrataram;

-Os candidatos que não tentaram, mas que atendem as regras de 450 pontos de média e nota acima de zero na redação em qualquer edição, desde 2010, do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem);

-Os candidatos que tenham renda familiar mensal bruta per capita até três salários mínimos.

Prazos e perfis de candidatos

De acordo com a Sesu, os interessados precisarão ficar alertas em relação ao período de inscrições; uma vez que há datas distintas, dependendo do perfil do candidato.

As novas vagas serão abertas para preencher as vagas do processo do Fies 2018-1; que por diversos motivos, tais como não comprovação de renda ou desistência; nao não tiveram o empréstimo total ou parcial contratado junto ao agente financeiro.

Edital

Conforme informações do MEC, o edital com todas as regras para a ocupação de vagas remanescentes do processo seletivo do Fies será publicado pelo MEC, no Diário Oficial da União.

Conforme edital, as mantenedoras das instituições de educação superior deverão informar a partir de 5 de junho, os cursos nos quais não houve formação de turma no período inicial; inclusive aqueles para os quais não houve seleção. As vagas não ocupadas serão redistribuídas entre todos os cursos de todas as instituições participantes.

Fies 2018

MEC prorrogou as inscrições para o Fies 2018-1

1 de março de 2018

O período de inscrições referentes ao Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) referente ao primeiro semestre de 2018 foi prorrogado até o próximo dia 2 de março, de acordo com informações do MEC.

O motivo para a prorrogação, de acordo com o MEC é que aproximadamente 400.000 inscrições ainda se encontram na fase de preenchimento no Sistema de Seleção do Fies.

Até as 17h de quarta-feira, 28 de fevereiro; o sistema havia registrado 387.488 inscrições concluídas e 427.431 inscrições em andamento.

Novo Fies

O Novo Fies é um modelo de financiamento estudantil moderno, que divide o programa em diferentes modalidades; oferecendo condições a quem mais precisa; além de uma escala de financiamentos que varia conforme a renda familiar do candidato.

Nesta edição serão ofertadas 155 mil vagas; mas no total, em 2018, o número chegará a 310 mil vagas. Dessas, 100 mil terão juro zero para os estudantes que comprovarem renda per capita mensal familiar de até três salários mínimos.

As outras duas modalidades, chamadas de P-Fies, destinam-se a estudantes com renda familiar de até cinco salários mínimos. Para atender a essa parcela de candidatos; o Novo Fies terá recursos dos Fundos Constitucionais e de Desenvolvimento.

Resultado Fies 2018-1

O resultado será publicado em 5 de março, em chamada única. No caso dos estudantes inscritos pelo P-Fies; a relação de selecionados sairá no dia 12 de março.

Lista de Espera Fies 2018-1

Com exceção do P-Fies, os candidatos não convocados poderão manifestar interesse por lista de espera entre 6 e 30 de março.

Seleção 

Para poder concorrer a uma vaga, o candidato deverá cumprir por antecipação os seguintes requisitos: ter feito uma das edições do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) a partir de 2010, com média igual ou superior a 450 pontos, e obtido nota maior que zero na redação.

Inscrições Fies 2018

As inscrições são realizadas exclusivamente pela internet, na página do Fies Seleção. Em caso de pré-seleção em uma das vagas disponíveis para financiamento; o estudante deverá complementar informações da sua inscrição e, posteriormente, fechar a contratação.

Cursos que poderão ser financiados

Poderão ser financiados os cursos de graduação com conceito maior ou igual a três no Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior (Sinaes), ofertados pelas instituições de ensino superior participantes do Fies.

Conforme informações do MEC, também poderão fazer parte do programa os cursos que, ainda não avaliados pelo Sinaes, estejam autorizados para funcionamento pelo cadastro do MEC. Durante o curso, o estudante deverá ter rendimento para ser aprovado em todas as matérias.

Acesse para fazer a inscrição

Fies 2018

Fies 2018: Inscrições abertas

19 de fevereiro de 2018

Fies 2018: Inscrições abertas referentes ao primeiro semestre de 2018; que terá o oferecimento de 310 mil vagas; sendo 155 mil vagas para o primeiro semestre letivo.

Fies 2018: Inscrições abertas

O prazo será encerrado, às 23h59 do dia 28 de fevereiro, e estarão disponíveis no site do Fies.

Em caso de pré-seleção em uma das vagas disponíveis para financiamento, o estudante deverá complementar informações da sua inscrição e; posteriormente, fechar a contratação do financiamento.

Modalidades Fies 2018

O Novo Fies possui diferentes modalidades, oferecendo condições a quem mais precisa e uma escala de financiamentos que varia conforme a renda familiar do candidato.

Conforme edital, do total de vagas ofertadas, 100 mil terão juros zero para os estudantes que comprovarem uma renda per capita mensal familiar de até três salários mínimos.

As outras duas modalidades, chamadas de P-Fies, destinam-se a estudantes com renda familiar de até cinco salários mínimos. Para atender a essa parcela de candidatos, o Novo Fies terá recursos dos Fundos Constitucionais e de Desenvolvimento.

Seleção Fies 2018

Para poder concorrer a uma vaga, o estudante deverá cumprir por antecipação os seguintes requisitos:

-Ter feito uma das edições do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) a partir de 2010, com média igual ou superior a 450 pontos, e obtido nota maior que zero na redação.

Cursos que poderão ser financiados

Poderão ser financiados os cursos de graduação com conceito maior ou igual a três no Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior (Sinaes) ofertados pelas instituições de ensino superior participantes do Fies. Também poderão participar do programa os cursos que, ainda não avaliados pelo Sinaes, estejam autorizados para funcionamento pelo cadastro do MEC. Durante o curso, o estudante deverá ter rendimento para ser aprovado em todas as matérias.

Resultados Fies 2018

O resultado será publicado em 5 de março, em chamada única. No caso dos estudantes inscritos pelo P-Fies, a relação de selecionados sairá em 12 de março.

Lista de Espera Fies 2018

Com exceção do P-Fies; os candidatos não convocados poderão manifestar interesse por lista de espera entre 6 e 30 de março.

Acesse o Fies Seleção.

Fies 2018

Fies 2018 Inscrições a partir de 19 de fevereiro

2 de janeiro de 2018

Fies 2018 Inscrições a partir de 19 de fevereiro referentes ao Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) para o primeiro semestre de 2018. Elas poderão ser feitas, até o dia 28 de fevereiro, no site do programa (//fiesselecao.mec.gov.br).

A partir desta edição, o financiamento funcionará sob novas regras. As normas foram publicadas no Diário Oficial da União de sexta-feira, 29 de dezembro.

As mantenedoras das instituições de ensino superior interessadas em participar do processo seletivo deverão assinar um termo de participação entre 3 de janeiro de 2018 até as 23h59 do dia 19 de janeiro.

Requisitos Fies 2018

Abaixo os requisitos para o Financiamento Estudantil:

-Ter participado do Enem a partir da edição de 2010 e obtido média aritmética das notas nas provas igual ou superior a 450 (quatrocentos e cinquenta) pontos e nota na redação superior a 0 (zero).
-Possuir renda familiar mensal bruta per capita de: a) até 3 (três) salários mínimos, na modalidade de financiamento do Fies; b) até 5 (cinco) salários mínimos, na modalidade de financiamento do P-Fies.

Fies 2018

Abaixo as mudanças aprovadas pelo Congresso:

Fies 1 (sucessor do atual modelo)

-Para estudantes com renda familiar de até 3 salários mínimos per capita
Taxa de juros real igual a zero;
-Acaba a carência de 18 meses após o fim do curso e o estudante terá que começar a pagar assim que se formar;
-Os recursos virão de um Fundo Garantidor, mantido obrigatoriamente pelas faculdades, que terão que fazer aportes proporcionais à sua taxa de inadimplência. A União está autorizada a colocar até R$ 3 bilhões nesse fundo. O texto-base previa que a União não poderia fazer aportes adicionais, mas esse trecho foi retirado do projeto.

Fies 2 (nova modalidade)

-Para estudantes com renda familiar de até 5 salários mínimos per capita
Taxas de juros usadas para empréstimos dos fundos regionais, hoje na ordem de 2,5% a 3%;
-Os recursos virão de bancos regionais do Norte, Nordeste e Centro-Oeste e os fundos constitucionais de financiamento dessas regiões. Os empréstimos serão geridos por esses bancos;
-Os financiamentos só poderão ser concedidos nessas regiões. Objetivo é diminuir as desigualdades regionais.

Fies 3 (nova modalidade)

-Para estudantes com renda familiar de até 5 salários mínimos per capita;

-Recursos virão do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). Os contratos serão geridos por bancos privados;

-Financiamentos poderão ser concedidos para estudantes de todo o país.

SiSU

Sisu 2018: Inscrições disponíveis a partir de 29 de janeiro

8 de dezembro de 2017

Sisu 2018: Inscrições a partir de 29 de janeiro a 1º de fevereiro para o Sistema de Seleção Unificada; que utiliza as notas do Enem para ingresso nas universidades e instituto federais de educação.

Edital Sisu 2018

O MEC disponibilizou as regras e as datas para realização das inscrições no processo seletivo da primeira edição de 2018 do Sistema de Seleção Unificada (Sisu); ferramenta pela qual universidades públicas oferecem vagas a candidatos do Exame Nacional de Ensino Médio (Enem). O edital Sisu 2018 foi publicado nesta sexta-feira, 8 de dezembro, no Diário Oficial da União (DOU).

Período das inscrições Sisu 2018

As inscrições serão feitas exclusivamente pela internet, por meio da página eletrônica do Sisu, e os interessados poderão se candidatar no período de 29 de janeiro até as 23h59 do dia 1º de fevereiro; observando o horário oficial de Brasília.

Sisu 2018: Vagas oferecidas pelas Universidades e Institutos

Poderão concorrer às vagas estudantes que tenham realizado o Enem edição 2017 e obtido nota acima de zero na prova de redação.

No total, serão 239.601 vagas de graduação. Dessas, 103.897 são reservadas para a Lei de Cotas, destinadas especificamente a negros, pardos, indígenas e pessoas com deficiência.

Sisu 2018: Universidades e Institutos federais

Para 2018, 130 instituições de ensino superior ofertarão vagas no Sisu, Sistema de Seleção Unificada. Dessas, 30 são instituições públicas estaduais, que envolvem centros universitários (1), faculdades (7) e universidades (22); e 100 são públicas federais, com centros de educação tecnológica (2), faculdades (1), institutos federais de educação, ciência e tecnologia (36) e universidades (61).

Processos de Seleção

Serão abertos dois processos seletivos referentes ao Sisu. O primeiro, com inscrições no final de janeiro de 2018, distribuirá vagas para o primeiro semestre letivo das instituições. O segundo, com inscrições no final de maio, será destinado ao preenchimento de vagas para o segundo semestre letivo das universidades e institutos federais participantes.

Sisu 2018: Termos de Adesão das Universidades e Institutos federais de ensino

As Universidades e Institutos já divulgaram os respectivos termos de adesão que definem cursos, vagas, modalidades de vagas, turnos, notas mínimas e pesos das áreas do Enem. Acesse os termos de adesão das universidades e institutos federais de educação e faça sua melhor escolha.