Fies 2017: Maiores notas de corte dos cursos

Fies 2017: Maiores notas de corte dos cursos referentes ao programa, que possibilita financiamento para alunos de baixa renda em todo o Brasil.

Fies 2017: Maiores notas de corte dos cursos

Abaixo os onze cursos que apresentaram as maiores notas de corte referente ao Fies 2017:

CURSO INSTITUIÇÃO CIDADE/ESTADO NOTA
MEDICINA SUPREMA JUIZ DE FORA MG 831,04
DESIGN DE GAMES Anhembi Morumbi SÃO PAULO – SP 775,86
GESTÃO DE COOPERATIVAS CESURG SARANDI – RS 766,86
DIREITO PUC-SP SÃO PAULO – SP 765,62
ENG. AERONÁUTICA  FUMEC BELO HORIZONTE – MG 760,54
ODONTOLOGIA  UNIRP SÃO JOSÉ DO RIO PRETO – SP 759,1
NANOTECNOLOGIA PUC-RJ RIO DE JANEIRO – RJ 755,36
CIÊNCIAS ECONÔMICAS PUC-RJ RIO DE JANEIRO – RJ 751,86
ARQUITETURA C. Univ. Toledo ARAÇATUBA – SP 749,04
DESIGN C. Univ. Senac SÃO PAULO – SP 745,38
ENGENHARIA QUÍMICA PUC-MG BELO HORIZONTE – MG 741,16

Critérios para inscrição Fies

Poderão se inscrever os estudantes que tenham participado do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) a partir de 2010; com média das notas igual ou superior a 450 pontos e nota na redação superior a zero. O candidato deverá comprovar também renda familiar mensal bruta per capita de até três salários mínimos.

Fies 2018

De acordo com o MEC, o novo Fundo de Financiamento Estudantil será dividido em três modalidades. No total, o programa garantirá 310 mil vagas, das quais 100 mil a juros zero; para estudantes com renda mensal familiar per capita de até três salários mínimos.

Modalidades Fies 2018

Na primeira modalidade, o Fies funcionará a partir de um fundo garantidor com recursos da União e ofertará 100 mil vagas por ano; com juros zero para os estudantes que tiverem uma renda per capita mensal familiar de três salários mínimos.

O aluno começará a pagar as prestações respeitando a sua capacidade de renda; com parcelas de aproximadamente 10% de sua renda mensal.

Nesse caso, o risco do financiamento será compartilhado com as universidades privadas; não estando concentrado somente no governo.

Outra medida que garante a sustentabilidade do programa é a fixação do risco da União no fundo garantidor; evitando a formação de passivo para o setor público.

Na segunda modalidade, o Fies terá como fonte de recursos os fundos constitucionais regionais; para alunos com renda familiar per capita de até cinco salários mínimos, com juros baixos e risco de crédito dos bancos. Serão ofertadas 150 mil vagas em 2018 para as regiões Norte, Nordeste e Centro-Oeste.

Na terceira modalidade, serão fontes de recursos o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) e os fundos regionais de desenvolvimento das regiões Norte, Nordeste e Centro-Oeste; oferecendo juros baixos para estudantes com renda familiar per capita mensal de até cinco salários mínimos.

Dicas de Estudo:

–Dicas de Estudo para Biologia;

–Dicas de Estudo para Física;

–Dicas de Estudo para Química;

–Dicas de Estudo para Matemática;

-Dicas Ciências da Natureza;

-Dicas Barragem de Mariana;

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *