Fies

Fies 2019: Inscrições abertas

7 de fevereiro de 2019

Os estudantes interessados em financiar cursos de graduação, em universidades particulares poderão se inscrever até o dia 14 de fevereiro, para a primeira edição de 2019 do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) e do Programa de Financiamento Estudantil (P-Fies).

A inscrição poderá ser realizada no site //fiesselecaoaluno.mec.gov.br/usuario-login

Quem pode participar?

De acordo com edital, somente podem participar candidatos que fizeram alguma das edições do Enem a partir de 2010 e que obtiveram média de 450 pontos nas provas, sem zerar a redação.

No momento da inscrição no Fies, o candidato pode escolher até três opções de cursos, indicando ordem de preferência.

Cronograma

Conforme edital do Fies, 2019, a previsão é que a lista de aprovados seja liberada no dia 25 de fevereiro. Os pré-selecionados deverão complementar a inscrição de 26 de fevereiro a 7 de março. Segundo o Edital, somente haverá uma chamada regular.

O prazo de inscrição para lista de espera será de 27 de fevereiro a 10 de abril. Somente será disponibilizada lista para o Fies.

Vagas oferecidas

Conforme informações do MEC, o Fies se destina a financiar cursos superiores não gratuitos e oferece diferentes modalidades, de acordo com a renda familiar. Além das 100 mil vagas, para alunos cuja renda familiar bruta mensal por pessoa não ultrapasse três salários mínimos, o programa destina aproximadamente 450 mil vagas ao P-Fies para estudantes cuja renda familiar bruta mensal por pessoa não exceda cinco salários mínimos.

Veja as modalidades

Conforme edital, veja abaixo as modalidades:

Fies

– Estudantes devem comprovar renda per capita de até 3 salários mínimos, ou seja, R$ 2.994
– Financiamento não tem juros

P-Fies

– Candidatos com renda de até 5 salários mínimos, ou seja, R$ 4.990
– Condições de financiamento são estabelecidas de acordo com o agente financeiro

Prioridade de financiamentos

Ainda conforme edital, os financiamentos serão concedidos prioritariamente para esses candidatos, nessa ordem:

I – candidatos que não tenham concluído o ensino superior e não tenham sido beneficiados pelo financiamento estudantil;
II – candidatos que não tenham concluído o ensino superior, já tenham sido beneficiados pelo financiamento estudantil e o tenham quitado;
III – candidatos que já tenham concluído o ensino superior e não tenham sido beneficiados pelo financiamento estudantil; e
IV – candidatos que já tenham concluído o ensino superior e tenham sido beneficiados pelo financiamento estudantil e o tenham quitado.

Fonte MEC

You Might Also Like

No Comments

Leave a Reply